Catálogo
Voltar atrás
-10%

Socialismo. Porque Não?

G. A. Cohen

  • Edição Janeiro 2016
  • Colecção Filosofia Aberta
  • ISBN 978-989-616-713-4
  • Páginas 84
  • Dimensões 11 x 18
€9,00 €8,10

Socialismo. Porque não? e Capitalismo. Porque não? levam o leitor a reavaliar ou a confirmar, informada e criticamente, as suas convicções.

A Gradiva publica em simultâneo dois pequenos livros, tão interessantes quanto oportunos, escritos por dois nomes que estão reconhecidamente entre os grandes filósofos defensores de dois sistemas antagónicos – o socialismo e o capitalismo –, para responderem à grande questão política que desde o séc. XVIII continua a dominar, de forma apaixonada, o debate político e a dividir, por vezes tão dramaticamente, as sociedades.
Este é o primeiro dos dois livros, uma serena e ponderada defesa do socialismo, feita por um dos mais prestigiados e discutidos filósofos políticos da esquerda contemporânea, G. A. Cohen.

O socialismo é desejável? É possível? Muitos afirmam que o socialismo é impossível.
Cohen refere que o principal obstáculo ao socialismo não é, ao contrário do que frequentemente se diz, o egoísmo humano inveterado – é a ausência dos meios óbvios para dirigir correctamente a generosidade humana que existe.
O autor pretende que a questão que constitui o título do livro não seja retórica.
Propondo um «acampamento» como base para explicitar a sua teoria, especifica dois princípios – igualdade e comunidade – aí postos em prática e apresenta as razões pelas quais o modo de organização de um acampamento é apelativo. Esses princípios e esse modo de organização tornarão o socialismo desejável? E, sendo-o, serão viáveis quando se transpõe o acampamento para a sociedade como um todo?