Catálogo
Voltar atrás
-40%

A Espiral da Vida

As Dez Mais Notáveis Invenções da Evolução

Nick Lane

  • Edição Janeiro 2012
  • Colecção Ciência Aberta
  • Páginas 0
  • Dimensões 0 x 0
€22,00 €13,20

Prémio Royal Society 2010 - Livros de Ciência Como é que a vida surgiu? De onde vem o ADN? Porque morremos? Ao longo das últimas décadas, a investigação desenvolvida lançou uma luz nova sobre a composição da vida. Com base neste novo manancial de conheci

Como é que a vida se inventou? De onde vem o ADN? Porque morremos? Ao longo das últimas décadas, foi desenvolvida investigação apaixonante que lançou uma luz nova sobre a composição da vida.

 

 

Com base neste novo manancial de conhecimento científico, o bioquímico premiado Nick Lane reconstituiu a história da vida através da descrição das dez mais notáveis invenções da evolução, reflectindo sobre o modo como cada uma – do ADN ao sexo,do sangue quente à consciência e finalmente à morte – transformou a vida e,em muitas ocasiões, o próprio planeta que habitamos.

 

 

O QUE SE DIZ SOBRE O LIVRO

 

«Um relato original e deslumbrante.[…]Uma passagem em revista emocionante de algumas das mais importantes e profundas ideias da biologia. Altamente recomendado.»

New Scientist

 

 

«Excelente e imaginativo,[...] repleto de surpresas[...].Um livro fascinante para qualquer pessoa interessada na vida e na evolução.»

Lewis Wolpert, Nature

 

 

«Com clareza e vivacidade, Lane apresenta inteligentemente os modos como os componentes e mecanismos críticos da vida complexa se podem ter desenvolvido.»

New York Times

 

 

«Se Charles Darwin saísse do túmulo, eu dar-lhe-ia este livro fabuloso para o animar.»

Matt Riddley, autor de Genoma e A Rainha de Copas

 

 

«Um livro de ciência que não defrauda: a estrutura é lógica, a escrita espirituosa e as questões difíceis são enfrentadas sem receio.»

Guardian

 

 

«Lane expõe processos de grande complexidade com um discurso acessível, fluente e agradável.» Kirkus Reviews

 

 

«Magnífico[...]. Lane faz um trabalho magistral.»

Publishers Weekly

 

 

«Um escritor que não tem medo de pensar em grande-nem de pensar muito.»

Frank Wilczek, Laureado Nobel da Física de 2004