Catálogo
Voltar atrás
-50%

Onde Cresce o Perigo Surge Também a Salvação

Hubert Reeves

  • Edição Janeiro 2014
  • Colecção Ciência Aberta
  • ISBN 978-989-616-561-1
  • Páginas 148
  • Dimensões 0 x 0
€12,00 €6,00

VEJA AQUI O COMENTÁRIO DO FÍSICO CARLOS FIOLHAIS AO LIVRO DE HUBERT REEVES:

Escolhas de Carlos Fiolhais (27/8/2014) - Onde Cresce o Perigo Surge Também a Salvação da autoria do astrofísico Hubert Reeves também conhecido como o Poeta do Cosmos.

Incríveis coincidências atómicas e cósmicas permitiram ao Universo organizar-se, enriquecer-se e dar-nos à luz. Do núcleo de carbono às profundezas do planeta, da radiação fóssil aos misteriosos neutrinos, vários fenómenos estranhos têm contribuído para a complexidade do nosso mundo. Mas a riqueza e beleza do mundo encontram-se hoje ameaçados na Terra pelo ser humano, que se tornou a principal ameaça ao meio ambiente, à biodiversidade e a ele próprio. Como conciliar a bela história do Universo com a história menos bela da Humanidade?

Oferecendo-nos uma e outra em paralelo, Reeves coloca o seu talento de contador de histórias ao serviço da nossa tomada de consciência. Sem esconder a gravidade da actual crise ecológica, ele sublinha os sinais de uma reacção humana que nos permite esperar um futuro melhor.

Este livro coloca em paralelo a história do Universo e a dos seres humanos.

Reeves começa por nos deslumbrar ao contar-nos as improváveis mas fecundas propriedades da ​​matéria, tanto atómica como galáctica,que permitiram que esta se tornasse mais complexa até surgir vida e inteligência na Terra e, talvez, noutros lugares do vasto cosmos. É uma bela história.

Ele adverte-nos a seguir para os perigos que o nosso planeta enfrenta – perigos que são da nossa responsabilidade. Por exemplo, o destino trágico de tantas espécies, algumas extintas, como os mastodontes e os grandes pinguins, outras ameaçadas, como os chimpanzés e as abelhas. Esta é a história menos bela.

Como conciliar, então, o que a ciência nos diz sobre o maravilhoso crescimento da organização à escala cósmica com o sério risco de deterioração que a crise ecológica contemporânea representa para o futuro da vida na Terra? A consciência dessa situação de conflito e a vontade de reagir a que estamos a assistir dar-nos-ão esperança de um futuro mais verde?