Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
10%
Full House
Colecção: Ciência Aberta

Páginas: 288
Ano de edição: 2000
ISBN: 978-972-662-746-3
17,16 €
15,44 €

Quantidade:
Sinopse
Ao contrário da generalidade dos seus livros, que constituem colectâneas de textos sobre diferentes temas originalmente editados em diversas publicações, Full House é, depois de A Vida É Bela (Gradiva, 1995), a primeira obra de Stephen Jay Gould inédita e sobre um único assunto.
Desencadeando o que vai certamente tornar-se um grande debate científico, Gould contesta as ideias assentes sobre a natureza do progresso, da excelência, e da própria natureza e constrói um quadro unificado da história e da vida que vai contra aquilo que, em muitos casos, intuitivamente julgamos ser verdade.
Recorrendo, como é seu hábito, a exemplos interessantíssimos, a prodígios e a enigmas, Gould contesta a visão antropocênctrica prevalecente no mundo, defendendo um novo paradigma de progresso em que a diversidade, e não a complexidade, será a verdadeira manifestação da excelência.
Tal como um full house num jogo de poker expressa a excelência de todas as partes juntas, fortuitas na origem mas moldadas pela selecção, este Full House sustenta que a variação é a realidade suprema da excelência.
Gould celebra, no seu veemente humanismo, a verdadeira excelência na Terra, excelência, que para ele se manifesta e demonstra na plenitude e na constância da espontaneidade e da diversidade.

STEPHEN JAY GOULD é professor de Zoologia e de Geologia em Harvard e conservador para a paleontologia invertebrada no Museu de Zoologia Comparativa da universidade. Vive em Cambridge, Massachusetts, e em Nova Iorque.

Autor(es)
STEPHEN JAY GOULD é um dos paleontólogos mais populares do mundo.

Ensina Biologia, Geologia e História das Ciências na Universidade de Harvard e é autor de dezenas de documentários e livros de divulgação, dos quais a Gradiva publicou já O Polegar do Panda, Quando as Galinhas Tiverem Dentes e O Sorriso do Flamingo.