Autores
Voltar atrás

André Oliveira

Biografia

A ambição do jovem Francisco Lázaro que, aos 22 anos e não obstante uma vivência humilde, parca em educação e bens terrenos, a correr atrás dos elétricos entre a sua morada em Benfica e a oficina onde ajudava «madeira a esquivar-se ao destino de ser palito» no Bairro Alto em Lisboa, queria ser tudo, representar o seu país e elevar Portugal nos céus da Suécia prendeu, sem mais largar, a atenção do autor de Corro para a Eternidade, diplomata de carreira atualmente colocado na Embaixada de Portugal em Estocolmo.

André Oliveira, de Braga, formado em Economia na Faculdade de Economia do Porto e pós-graduado em Economia Internacional pela Universidade do Minho, participante no Programa Contacto na Polónia em 2002, ingressou na carreira diplomática em 2005. Após ter exercido funções nos serviços centrais do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Lisboa até 2008, período em que apoiou o coordenador português para as relações euro-mediterrânicas no quadro da Presidência Portuguesa da UE, esteve colocado na Embaixada de Portugal na Estónia até 2010. Diplomata
de carreira, encontra-se actualmente colocado na Embaixada de Portugal em
Estocolmo.

No final do verão de 2012, inspirado pela visita à Suécia de Sua Excelência o Secretário de Estado do Desporto e Juventude, Dr. Alexandre Mestre, que homenageou, numa comovente cerimónia no Estádio Olímpico ao lado da Presidente da Assembleia Municipal de Estocolmo, Dra. Margareta Björk, o legado de Francisco Lázaro, o autor lançou-se numa aturada investigação, mergulhou no final de muitos dias de trabalho nos arquivos de microfilmagens de jornais suecos de 1912 na Biblioteca Real da Suécia, nos livros e fotografias históricos e únicos do Museu Olímpico, visitou com frequência o Museu da Cidade de Estocolmo, falou com historiadores e especialistas, com diferentes elementos da sociedade civil sueca, a cada passo rendendo-se mais e mais ao espírito de Lázaro que Corro para a Eternidade traduz agora em letra.