Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
50%
Puro Disparate
Autor: Steve Martin

Páginas: 132
Ano de edição: 2004
ISBN: 978-972-662-987-0
11,1 €
5,55 €

Quantidade:
Sinopse
Quem, senão Steve Martin, para combinar provas irrefutáveis da existência de uma população de gatinhos em Marte com um tratado completo sobre a marreta? Nesta recolha de textos brilhantemente espirituosos, Steve lança um olhar subversivo sobre o mundo e desfere um golpe nas convenções correntes. Desde dicas de conservação da memória para maiores de 50 até à sua exposição perspicaz do tema «A banana de Wittgenstein», nunca o «puro disparate» foi um entretenimento tão delicioso.


«Se a memória não me falha, Puro Disparate é o livro mais cómico que alguma vez li. Se a memória não me falha, Puro Disparate é o livro mais cómico que alguma vez li.»
NEIL SIMON

«O livro pôs-me a ladrar, mas o que é que eu hei-de fazer? Este é um livro rialmente divertido.»
DAVID MAMET

«Uma mistura de humor urbano e extrapolações surrealistas... é como se Douglas Adams e Flann O'Brien se encontrassem»
Independent

«Puro gozo.»
Newsweek

«É humor elevado ao nível de abstracção.»
New York Times Book Review

«Anticonvencional, incisivo... Steve Martin larga palavras bizarras por todo o lado, como se fossem confetti...»
Mirror

«O maior cómico do mundo, Steve Martin, escreveu o livro mais cómico de sempre.»
Boston Phoenix

«Martin é um escritor soberbo, capaz de ser simultaneamente melancólico e ácido, dolorosamente inocente e surpreendentemente irónico. Um mestre a revelar a poesia surrealista que existe no puro disparate.»
Elle

«Jeux d'esprit de uma beleza surrealista.»
The Guardian



STEVE MARTIN é conhecido sobretudo como actor, tendo participado em vários filmes, como Almas do Outro Mundo, Roxanne, Lar, Doce Lar... às Vezes, ¡Três Amigos!, O Pai da Noiva, Viver e Amar em Los Angeles e Antes Só Que Mal Acompanhado. Entrou igualmente no aclamado filme de David Mamet O Prisioneiro Espanhol e partilhou o papel principal com Eddie Murphy em O Sem-Vergonha, do qual é autor do guião.
Em 1993, o seu primeiro original para teatro, Picasso at the Lapin Agile, estreou-se com críticas entusiásticas em Chicago, seguindo para Nova Iorque, Los Angeles e Boston.
Textos seus aparecem frequentemente na The New Yorker, no The New York Times e noutras publicações. Os seus textos já lhe conquistaram Emmys e Grammys e granjearam a admiração simultânea de crítica e público em obras como (para além do grande sucesso que é Puro Disparate, agora publicado pela Gradiva), Picasso at the Lapin Agile, Shopgirl, ou The Pleasure of My Company.
O leitor mais habitué de Martin reconhecerá instantaneamente qualquer texto seu pelo trocadilho cheio de wit, o surrealismo transbordante dos temas, e a simplicidade eficaz do discurso. Puro Disparate é a porta de entrada ideal para este universo de riso inteligente.
Autor(es)
Steve Martin