Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
10%
Eça de Queirós Cronista
Da «Chronica» à Crónica
Colecção: Fora de Colecção

Páginas: 328
Ano de edição: 2017
ISBN: 978-989-616-772-1
Capa: Brochado (capa mole)
Dimensões: 17 x 24 cm
18 €
16,20 €

Quantidade:
Sinopse
A autora analisa a formação do género crónica entre O Distrito de Évora (1867) e As Farpas (1871-72), quer na escrita queirosiana, quer, por extensão justificada, na escrita oitocentista.

Desde a fase de indefinição e heterogeneidade como secção jornalística («Chronica») até à sua definição genológica (crónica), em consagrada publicação autónoma, acompanhamos um itinerário de elaboração retórica deste género enquadrado pelo percurso intelectual e ideológico de Eça de Queirós e da Geração de 70.

Esta obra é, pois, uma reflexão estratégica e fundamental para a compreensão da obra queirosiana e dos caminhos da Literatura e do Jornalismo oitocentistas, na génese da nossa contemporaneidade.
Autor(es)
Doutorada e com Agregação em Literatura, é professora na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É Presidente do Instituto Fernando Pessoa – Língua Portuguesa e Culturas Lusófonas (da SHIP), da Mesa da Assembleia Geral da CompaRes, Coordenadora do CLEPUL, membro das Direcções da Associação Portuguesa de Escritores e da Sociedade Histórica da Independência de Portugal (SHIP), dos Conselhos Científicos de diversas instituições, etc.

Integrou a MRPB – Missão para o Relatório sobre o Processo de Bolonha e foi Conselheira para a Igualdade de Oportunidades do MCTES, Presidente da APT e do CLEPUL, etc.

Tem direcção e consultoria científica de colecções, de revistas (Letras Com(n) Vida, em especial) e da Biblioteca LusoSofia, participação em júris de prémios literários, etc.

Obras principais: Luz & Sombras do Cânone Literário (2014); Focais Literárias (2012); Paisagem & Figuras (2011); Cartografias Literárias, 2010 (2010; S. Paulo, 2012); Itinerário (2009); No Fundo dos Espelhos (2 vols., 2003-07), Emergências Estéticas (2006); Breves & Longas no País das Maravilhas (2004); Labirinto Sensível (2003); etc.