Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
10%
A NATUREZA REENCONTRADA
Colecção: Ciência Aberta

Páginas: 289
12,17 €
10,95 €


Sinopse
Nestas suas «reflexões de um biólogo prisioneiro» Jean-Marie Pelt salta da ecologia para a economia, a antropologia, a sociologia e o conjunto de ciências sociais. Começa com os capítulos habituais em obras do género: a crise do ambiente, a opção ecológica, a necessidade de proteger a Natureza da acção dos homens, a religião da ciência, a delapidação e esgotamento dos recursos naturais... Mas a obra não fica por aqui, não cede à tentação da perspectiva catastrófica nem ao profetismo do desastre. Ficarão decepcionados os que procurarem no livro a visão ou as soluções propostas pela ecologia tradicional. O leitor tem de chegar à terceira parte do livro para alcançar o essencial, para satisfazer a curiosidade que o título certamente desperta.
Esta importantíssima obra - que é já um clássico da nova ecologia - não se contenta em denunciar a ruptura entre os homens e a Natureza. Apresentando, fundamentando e movendo-se no quadro analítico, teórico e de intervenção da ecologia da segunda geração, Jean-Marie Pelt procura antes um equilíbrio dinâmico que tenha em conta as regulações naturais e as da liberdade humana. Nascida da crise das sociedades industriais, a nova ecologia anuncia hoje, assim, provavelmente, as grandes doutrinas económicas e sociais do século XXI.

JEAN-MARIE PELT é professor de Biologia Vegetal e Farmacologia na Universidade de Metz. Assume actualmente a presidência do Instituto Europeu de Ecologia. A sua obra A Natureza Reencontrada foi galardoada com o prémio europeu de ecologia, o grande prémio de ensaio da revista Elle e o prémio da Academie Grammont.
Autor(es)
Jean-Marie Pelt