Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
50%
DICIONÁRIO DE FILOSOFIA
Colecção: Filosofia Aberta

Páginas: 300
Ano de edição: 1997
ISBN: 978-972-662-532-2
29,78 €
14,89 €

Quantidade:
Sinopse
A filosofia é o pensamento humano autoconsciente. Os seus tópicos são a vida , o universo e todas as coisas : pode incluir todas as categorias de pensamento religioso , artístico , científico , matemático e lógico . Este dicionário de filosofia é um registo de alguns dos termos que animam tal reflexão , considerados proveitosos na sua condução .
Qualquer contacto com a história da filosofia mostra quão intimamente os seus interesses se fundem com os interesses de áreas que têm outras designações académicas : literatura, física, psicologia, sociologia e teologia. Na verdade, a separação da filosofia como disciplina autónoma pode parecer um produto da administração académica, e não um reflexo de uma divisão clara entre usar um conceito e pensar sobre ele. Senti-me por isso livre para introduzir a terminologia de outras ciências, sempre que essa terminologia estivesse fortemente implantada na discussão filosófica. Por exemplo, ao estudar o problema ético do aborto na literatura filosófica contemporânea, pode deparar-se a alguém uma menção casual aos zigotos e à miose, com tanta certeza como pode deparar-se-lhe a doutrina do efeito duplo ou a doutrina dos actos/omissões. Alguém interessado na realidade física pode precisar de saber o conteúdo do teorema de Bell, ou em que consiste a experiência mental de Einstein-Podolsky-Rosen : neste, como noutros casos, tentei ajudar o leitor. Tentei igualmente ser generoso com pensadores de áreas e tradições vizinhas, se bem que exista inevitavelmente um certo grau de arbitrariedade. Addison, Blake e Pope foram provavelmente pensadores filosóficos tão significativos quanto muitos dos estudiosos incluídos, mas foram excluídos; em contrapartida, Carlyle, Coleridge e Dante foram incluídos. Procurei sobretudo incluir os grandes cientistas cujo trabalho provocou grandes mudanças na filosofia : Boyle e Faraday, tal como Galileu, Newton, Darwin e Einstein.

SIMON BLACKBURN
Autor(es)
Simon Blackburn é membro honorário da American Academy of Arts and Sciences e vice-presidente da British Humanist Association. Blackburn leccionou durante várias décadas na Universidade de Cambridge, produzindo uma dezena de obras de repercussão internacional.

Especialista em filosofia da mente, da linguagem e da psicologia, o professor britânico é um dos mais prestigiados filósofos contemporâneos. É reconhecido pelo seu trabalho de divulgação da Filosofia e os seus livros são bestsellers em vários países.