Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
10%
Nova Física Divertida

Páginas: 196
Ano de edição: 2007
ISBN: 978-989-616-159-0
13,13 €
11,82 €

Quantidade:
Sinopse
Depois do extraordinário êxito de Física Divertida (seis edições), eis agora a Nova Física Divertida.

O autor continua a pensar que a física é interessante, atraente e até divertida. Não pretende convencer ninguém deste facto, mas pensa que a divulgação do carácter lúdico da física destruirá inapelavelmente a ideia preconcebida da física como ciência obscura e maçadora.

Começando onde o livro anterior, Física Divertida, findara - no início do século XX - a Nova Física Divertida aborda a paradoxal teoria quântica e a extraordinária teoria da relatividade, revelando os avanços da física até aos nossos dias. Essas teorias, com as espantosas experiências que as confirmaram, mudaram a nossa visão do mundo - desde os núcleos atómicos às estrelas - e o modo como nele vivemos: agora vivemos melhor!

Carlos Fiolhais recorreu à sua singular capacidade de comunicação e ao seu conhecido sentido de humor para realizar uma obra de um rigor científico e uma qualidade didáctica admiráveis.
Depois do extraordinário êxito de Física Divertida (seis edições, quase vinte mil exemplares vendidos), eis a Nova Física Divertida.
Autor(es)
CARLOS FIOLHAIS (n. 1956).

Doutorado na Universidade Goethe, em Frankfurt am Main, em 1982. É professor de Física na Universidade de Coimbra. Publicou mais de 60 livros, alguns deles editados noutros países, entre os quais, na Gradiva,  Física Divertida, Nova Física DivertidaA Coisa Mais Preciosa que Temos, Curiosidade Apaixonada, Engenho Luso e Outras Crónicas, Darwin aos Tiros e Outras Histórias de Ciência e Pipocas com Telemóvel e Outras Histórias de Falsa Ciência (os dois últimos com David Marçal).

Foi Director da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra.

É um dos cientistas e divulgadores de ciência mais conhecidos em Portugal. Foi agraciado com vários prémios e distinções, entre os quais um Globo de Ouro da SIC e a Ordem do Infante D. Henrique.

Consulte o blog do autor em http://dererummundi.blogspot.com.

Foi o vencedor do Grande Prémio Ciência Viva Montepio 2017.